segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Sonhos

Quem fala que são de mão beijada se enganam.
São conquistados.
São ditos também como realizações no final de tudo.
Quem falou que daria esperança em um sonho seu, pode não está mais aqui.
Talvez até esqueceu que você existe.
Porém, por você não podem ser esquecidos, engavetados com outras coisas que são empatadas de existir.
Você não pode esquecer do sonho que é seu.
Não pode.

(André Luiz) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário