quarta-feira, 27 de abril de 2011

Mais músculos ao sorrir.

Quando beijamos, movimentamos cerca de 29 músculos e gastamos cerca de 12 a 14 calorias. E os japoneses dizem que para cada beijo dado diminuimos 03 minutos de vida.
Quando sorrimos movimentamos cerca de 72 músculos.Melhor ainda quando movimentamos eles muitas vezes ao dia.O nome do músculo que contrai os lábios é o orbicular. Mas há um envolvimento de outros como os zigomáticos superiores e inferiores. Bem como outros.
O músculo dos olhos são os que mais trabalham. Estima-se que eles se movimentem mais de 100.000 por dia.
Quando andamos usamos os músculos. Eles são também os responsáveis por manter nosso corpo em pé.
Para cada caso, utilizamos um tipo de músculo.
Até mesmo quando estamos tristes. Para isso vale ressaltar que movimentamos bem menos músculos do que quando sorrimos.
Acho melhor fazer como ele.
Assim vamos movimentar mais músculos de nossa face e nos sentir bem.


Este vídeo foi extraido de outro meio. Créditos ao produtor original.

(André Luiz)

terça-feira, 26 de abril de 2011

Você pode estar com esse pensamento.



Quero pensar que a vida é passageira e que nela podemos tudo.
Quero desejar ao próximo muita paz e saúde.
Quero que as árvores soltem suas folhas quando estiver cansadas de segurar todas elas. E que permaneçam agarradas ao solo mesmo quando forem tentadas a cair por velhice.
Quero que cada segundo que passamos junto seja como se fosse o último a ser aproveitado.
Quero e desejo de toda forma que o amor possa estar composto em cada coração de cada ser que compreenda o que ele é ou não. Não importa!
Quero que a felicidade não seja em segundos e sim pela plena diária de nossas vidas.
Quero que a vida seja repleta de luz para que não cairmos nos buracos que há no caminho.
Quero a cada segundo um abraço seu ou de um amigo. E que desse abraço eu possa sentir um fervor de vontade pelo mesmo.
Quero que tudo seja analisado e que me digam se não somos capazes de fazer acontecer assim como somos capazes de acabar com cada vontade que brota agora.
Me digam!
Me dêem uma opção para viver!
Não consigo mais tentar entender cada mente que se aglomera em meio a mim.
Mentes imundas, desgraçadas, soberbas. 
Outras boas que trazem som de paz, brilhantes que trazem o brilho de luz. Essas sim são mentes que deveríamos ter por perto a cada dia.
Vamos!
Me digam!
Serão vocês capazes de dizer tamanha coisa contra mim e achar que somente eu penso dessa forma?
Não.
Você também pode estar pensando assim.


(André Luiz)

sexta-feira, 15 de abril de 2011


"Dou a você que amo: asas para voar, raízes para voltar e motivos para ficar".

Resposta ao meu querer.



Doce, salgado, amargo, azedo...
Nem verdade nem mentira. Mais verdade.
Se sabe o que sinto ou o que quero. Na verdade nem eu sei.
Poucas vezes não está ao meu lado quando preciso. Conto mais com os momentos que está.
O pedido de um quarto da parte aceitou, se dando até mais que isso.
Ela está tentando.
O tempo é que comanda as coordenadas de tudo que acontece.
Nada cruel, agora, o graciosa é impossível de se não ser. Está ao meu lado.
Ela.
Sentimos juntos a alegria de conquistar algo quase  todos os dias quando nos vemos e percebemos que ainda estamos juntos. Nos vemos como a primeira vez.
Ela está a minha volta.
Sei, que é verdade total.
Não é mentira fatal.
Isso eu sei.
Mas, quero ainda mais.
Sei que posso.
Hoje, meu querer é meu e dela, e o dela é nosso.


(André Luiz)

Louco?


Naquela hora tudo parecia bem diferente. Você pensar em fazer aquilo com tamanha vontade (O que?). Para mim. Para outros tenho a certeza que fazer o que eu não conseguia fazer era bem natural.
Fazer e não pensar que deveria ter pensado antes de antes fazer. Entende?
O que antes para mim era diferente, agora parece tudo normal. Tenho a certeza.
Já vou. Vou passear sozinho. Conhecer cada canto dessas ruas agora tão vazias. A multidão já passou.
Não é opção andar sozinho. Isso percebi quando resolvi fazer.
Louco!
Será?
Se sou louco não é por escolha. A natureza que me vem do tempo é que floresce assim.

(André Luiz)