segunda-feira, 18 de outubro de 2010

As coisas se vem e se vão

As coisas se vem e se vão
Assim!
Num passe de mágica
Num estalo dos dedos
Numa batida de mão
Assim as coisas se vem e se vão.

(André Luiz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário