domingo, 6 de junho de 2010

O brasileiro jamais desiste.


É 2010!
Que barato!
Já? Os anos estão se passando depressa.
Esse ano é bem esperado.
Ano de copa.
Pessoas que passam boa parte do tempo deixando suas mentes serem sugadas por cores que correspondem a moda que é lançada por temporada, agora aderem a da vez VERDE e AMARELA.
Ai, apelam para tudo que acessório.
É da cor verde amarela? Pergunta. Pode mandar.
Essas são as que mais se veem agora no momento.
Ruas, lojas, tudo enfeitado de verde e amarelo para esperarem atentos a COPA.

COPA: A Copa do Mundo (português brasileiro) ou Campeonato do Mundo de Futebol / Mundial (português europeu), é um torneio de futebol masculino realizado a cada quatro anos pela Federação Internacional de Futebol (FIFA). A primeira edição aconteceu em 1930, no Uruguai, com a vitória da seleção da casa. Nesse primeiro mundial, não havia torneio eliminatório, e os países foram convidados para o torneio. Nos anos de 1942 e 1946, a Copa não ocorreu devido à Segunda Guerra Mundial.

Não!, não vá pensando que eu já sabia de tudo isso ai.
Pesquisei.
Isso mesmo!
Google!
Bem, vamos voltar ao assunto.

Onde paramos mesmo?
Ruas, lojas, tudo enfeitado de verde e amarelo para esperarem atentos a COPA.

Para todos os lados só se ouve coisa assim, estão todos em ritmo, até o presidente que se apresenta em inaugurações... Muitas vezes cheio de viagens e reuniões com problemas e mais problemas para se resolver (E olha que o Brasil tem muitos.), encontra um tempinho para falar de FUTEBOL.
Esse grito de copa embala os corações dos brasileiros.
Estica pelo menos na testa uma tira verde e amarela tirada de uma velha blusa antes colorida. Para alguns o sofrimento dura nem que seja por 80 minutos do jogo e só nos últimos minutos dá lugar a alegria, a satisfação de torcer por nosso país. Isso se o time tiver ganhado aquela partida, se não, a historia já é outra.
Depois de muitos jogos se já conquistados, chega a hora em que nossos corações se apertam na esperança de ver aqueles "pernas de pau" segurarem a taça da vitoria nas mãos, saculejando e agradecendo a cada brasileiro que vibrou junto com ele, que transmitiu força e coragem, como aconteceu da ultima vez em que conquistaram. Ai, se ainda mais verde e amarelo, se via ainda mais festa.

Bem amigos, mesmo que nossos caçadores voltem com o tigre ou não nas mãos teremos a certeza de que o povo brasileiro não desisti nunca de incorporar o espírito da copa.


(André Luiz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário