terça-feira, 29 de junho de 2010

Meu balde.

Estou esvaziando por completo.
Cada ml dele esta sendo derramado.
Não me pergunte como estou fazendo isso que não saberei dizer.
Dormi um dia e quando acordei, estava com essa vontade de derramar.
Esvazio o meu balde.
Me esvazio.
Se esvazia.
Aos pouco estou me esvaziando mais e mais.
Aos pouco vejo que o que me completava me sai, deixa de encharcar o que a muito encharcava.
Estou me esvaziando por completo.
Se vou me encher com o novo e de novo, não sei.
Estou me esvaziando e verei com o decorrer desse trabalho se alguém ainda quer me encher.


(André Luiz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário