sábado, 1 de maio de 2010

Ontem eu perdi...

Assim como perdi a letra da música, perdi a oportunidade de continuar alegre. É que ontem, me veio a tristeza e disse para acompanha-la, que em seguida daria algo de bom para eu cantar.
Mentira!
Ela não me deu nada!
Nada!
Ai foi que parei para pensar.
Como pode a mentira dizer a verdade?
Tudo isso por causa do perdido que tinha me deixado perder a música.
O tempo. Esse também ajudou um pouco a tudo.
Se ele não tivesse passado e feito mudar.
Passado, isso, PASSADO!
Há, deixa só eu falar com o futuro e jamais vou me orientar por você novamente.
E agora?
O que vou fazer se perdi a música que cantava?
Não posso ficar parado sem me exercitar.
Já sei, já sei...
Achei!
Quanta felicidade!
Mas, calma.
Sim, é ela!
Ela vai me dizer o que vou e quando vou cantar, na hora certa, a nova melodia.


(André Luiz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário