domingo, 15 de novembro de 2009

O pequeno antes e agora.

Antes...
...Conseguia ver o sol.
...Conseguia cheirar a rosa.
...Tinha contentamento.

Agora o que me aconteceu?
Será que o sol parou de brilhar?
Será que a rosa parou de cheirar?
Ou serei eu?

Antes...
...Conseguia pular de corda.
...Conseguia correr o quarteirão.
E olhe que era...

Agora parei de fazer isso.
Com tempo e espaço corrido.
Um encolheu o dia.
O outro encurtou a noite.

Quanto ao sol e a rosa
Fica o parar e ver a bela
Fica o parar e ver o brilho
No tempo e espaço dividido.

(André Luiz)

Nenhum comentário:

Postar um comentário