quarta-feira, 15 de julho de 2009

Só a imaginar é que não consigo ficar.

Eu te vejo,
Te escuto,
Se te tranquilizo, não sei.
Te suaviso,
Não te deixo arder em solidão.

Te vejo...

Viajo,
Entre as estradas do pensar,
Surfo nas ondas de um mar,
Passo tempos na areia a andar,
De encontro contigo.

Eu, te vejo!

Meu ver é tão verdadeiro,
Que em imaginar carrego uma parte sua.

Mesmo não sendo real,
não estando contigo.
Te imagino.

Quero mesmo
Te ver,
Te tocar,
Te escutar...
Ser um ser verdadeiro a mim.

(André Luiz)

2 comentários:

Blog da Gyzas disse...

Achei lindo demais esse! Muito profundo!

Ei.. sabe o André? Aqueleee que escreve um monte de coisa massa?! Ele é meu amigo viu?! Moh orgulho :D

André Luiz disse...

Ei... Sabe a Gysele? Aquela e encanta só em olhar? É minha amiga, viu? =D

Postar um comentário